Alertas sobre importação de produtos chineses

– 1:38Publicado em: Comércio Eletrônico

Uma das protagonistas modalidades de negociações feitas utilizando a internet, e que tem mais e mais alcançado um número maior de consumidores devido a diversos fatores, são os websites de compra da china, como as camisas com led e itens de espionagem, por exemplo. Somando-se ao fato de poder oferecer uma infinidade de eletrônicos e celulares a preços mais em conta, corporações como a Mania da China oferecem condições seguras de pagamento, que cativam consumidores de várias classes.

Porém, um pouco de cautela é recomendada ao executar uma aquisição de item provenientes da china. Ainda com os pequenos valores, vale ressaltar que em sites que importam da China os preços dos itens mostrados no site não embutem a taxa de importação. No entanto, a justificativa é bem razoável: já que se tratam de taxas variáveis, que dependem da alfândega brasileira, não há um jeito de inserir o valor do imposto no custo do bem.

Contudo caso os preços dos produtos das lojas on line provenientes da china não embutem a tarifa de importação, como eu poderia calcular o custo verdadeiro de uma compra? A resposta é bem fácil, contudo sem ser 100% conclusiva. Em compras acima de 50 dólares, a taxa pode atingir 60% do custo do artigo na alfândega, já os outros itens encontram-se isentos de qualquer tarifação. Já que as tarifas são variáveis, este é mais um motivo pelo qual não há como mencionar o custo da taxa de importação de mercadorias no custo do bem.

Caso não existem nenhuma certeza em relação ao valor da taxa de importação, já que esse pagamento é feito? Através dos próprios Correios. Quando há necessidade de quitação de tarifa, um aviso é enviado ao consumidor via correio alertando sobre a chegada do produto no país. Para resgatá-lo, é só comparecer a a agência mais perto e efetuar o pagamento do imposto, sem despesas adicionais.

Fora a taxa de importação de dispositivos, ainda existe outro obstáculo para comprar da china: o prazo de entrega. Por causa de trâmites da alfândega brasileira, diversas vezes alguns artigos tem a possibilidade de retardar mais do que o imaginado para chegar ao seu destino, gerando certa insatisfação para o cliente. Podendo variar de algumas semanas até mesmo alguns meses, o prazo de entrega não é definido antecipadamente e depende unicamente da alfândega nacional e da agilidade dos Correios no período do envio. Apesar desses empecilhos, os preços envolvidas na ainda tornam tal tipo de negociação vantajoso, tanto para varejistas como para consumidores.

L99

Um site de variedades.

  • Página de exemplo
  • Enviar sua Postagem
  • Política de Privacidade
  • Termos de uso
  • Atividade
  • Membros
  • Registro
  • Ativação
Este é um site do grupo B20
Pular para a barra de ferramentas