Campanhas de email marketing que funcionam. Como fazer?

No mundo da era digital é mais do que possível alavancar as vendas e os negócios em geral usando ferramentas muito simples, mas que devem ser trabalhadas com critério, dentro do universo digital. Um dos exemplos é o email marketing, que atua como uma espécie de mala direta para levar os potenciais clientes a acessar o site da empresa e adquirir novos produtos e serviços.

Apesar de nascer com todo o potencial para dar certo, uma campanha de email marketing pode acabar virando um verdadeiro spam de uma hora para a outra – e, dessa forma, se tornar uma mensagem eletrônica indesejada. Isso, no entanto, só acontece com quem não faz as coisas da maneira certa.

A primeira preocupação que a empresa deve ter ao enviar o email marketing é com as pessoas que irão recebê-lo. Não adianta disparar a mensagem para dez mil emails por dia se nove mil e quinhentos serão jogados no lixo: é preciso construir uma base de emails sólida e relevante para que a campanha tenha sucesso. Como fazer isso? Simples: deixando em aberto no site e para clientes que já realizaram compras na empresa a possibilidade de assinar o mailing para receber novidades e promoções. Dessa forma, por mais que os endereços de email sejam diminuídos, é mais certo que a campanha fará sucesso.

Outra preocupação que se deve ter é com o design e a navegabilidade do email marketing. Quanto mais bonito e mais fácil de navegar pela mensagem, melhor podem ser as taxas de conversãoem compras. Lembre-se que o seu cliente não pode pensar duas vezes antes de querer clicar no seu link, e muito menos ter de procurar onde se clica. Tudo tem que estar perfeitamente mastigado para que o objetivo seja alcançado mais facilmente.

Por último, mas não menos importante, está a relevância da informação. Não mande emails diários com promoções e descontos, e tente compilar as novidades em um único email semanal, quinzenal ou até mensal, dependendo da natureza do negócio. O caso não é a quantidade de vezes que você vai mandar um email marketing, e sim qual é o potencial para que ele seja lido; e, quanto menos notificações, menos o cliente vai achar a sua abordagem agressiva, abusiva e indesejada. No mais, um único email marketing com todas as informações relevantes pode atrair bem mais clientes do que vários com informações que, para a maioria, não vale a pena.

L99

Um site de variedades.

  • Página de exemplo
  • Enviar sua Postagem
  • Política de Privacidade
  • Termos de uso
  • Atividade
  • Membros
  • Registro
  • Ativação
Este é um site do grupo B20
Pular para a barra de ferramentas