Cirurgia para redução de estômago: alguns cuidados

Atualmente, quem tem índice de massa corpórea (IMC) acima de 40 já é indicado para realização de cirurgia bariátrica, a famosa cirurgia de redução de estômago. Isso significa que, o estômago, que antes tinha capacidade de um litro e meio, reduz seu tamanho para apenas 20 mililitros. Dessa maneira, a pessoa que fez a cirurgia perde até 40% de seu peso, quando não, mais! Porém, a cirurgia nada adianta se a pessoa não tem preparo psicológico e acompanhamento com psicólogos após a realização da mesma. É preciso também fazer exercícios (para acabar com a flacidez resultante da operação) e fisioterapia, além de adotar uma dieta equilibrada, com todos os nutrientes necessários para uma boa vida, mesmo que em pequenas quantidades.

Tudo isso junto impede que a pessoa volte a engordar algum tempo depois. Comum, principalmente a quem operou há mais de 10 anos, tempo em que não havia esse acompanhamento psicológico no pós-operatório.

Conheça os tipos de cirurgia bariátrica: Capella: 90% das cirurgias de redução de estômago feitas no Brasil são desse tipo. É quanto o estômago se divide em dois. A menor parte é ligada diretamente ao intestino. Dessa maneira, o trânsito de alimentos fica mais devagar, assim como a absorção de nutrientes. A maior parte do estômago é inutilizada. Restritiva: também conhecida como Banda Gástrica Ajustável. Ela serve para bloquear a entrada do estômago para muitos alimentos. Assim, a quantidade de comida que entra é razoavelmente diminuída. É como se o estômago vestisse um cinto. Desabsortiva: É quando um pedaço do estômago é cortado e o que restou é ligado diretamente ao intestino. Isso diminui a absorção de nutrientes, mas também pode causar graves problemas nutricionais, se o paciente não seguir uma dieta balanceada. Outra forma de emagrecer

Se você acha que ainda não é hora de partir para cirurgia bariátrica, ou que ela é muito radica, pode tentar emagrecer fazendo tratamentos estéticos. Um que muitas clínicas oferecem são aparelhos de ultra som na estética. De fato, ele ajuda a queimar calorias, mas só funciona se você começar a fazer exercícios e comer melhor.

L99

Um site de variedades.

  • Página de exemplo
  • Enviar sua Postagem
  • Política de Privacidade
  • Termos de uso
  • Atividade
  • Membros
  • Registro
  • Ativação
Este é um site do grupo B20
Pular para a barra de ferramentas