Decoração Page 2 – Part 2

Para quem é apaixonado por leitura e não dispensa um bom livro, é fundamental ter seu próprio espaço, onde pode ler os livros preferidos com tranquilidade e viajar nesse mundo paralelo. Veja algumas ideias para você criar e decorar esse cantinho de leitura especial. O canto da leitura pode ser feito em qualquer espaço da casa, desde que seja bem arejado e iluminado – mesmo assim, você pode usar um abajur ou uma luminária para decorar e usar para leituras à noite. Nele, você pode colocar móveis que já tenha em casa ou em outros cômodos. É fundamental ter uma cadeira ou uma poltrona bem confortável, pois é onde você passará horas e horas mergulhado na sua leitura. Pequenos sofás ou divãs também são indicados para esses ambientes. Uma mesinha pequena para apoiar seus livros ou uma xícara de chá enquanto lê também é recomendada.

Outro ponto básico é onde organizar e guardar os livros, para que eles fiquem em um local de fácil acesso. Por isso, é importante pensar em nichos, prateleiras ou estantes que fiquem próximas a esse espaço dedicado à leitura. Nelas, você pode organizar os livros da forma como preferir: por autores, gêneros, mais lidos, entre outros, assim você terá o livro que deseja ler sempre à mão.

Para dar um ar mais moderno e contemporâneo, você pode usar móveis com cores harmoniosas com o restante da decoração, ou então optar por cores diferentes que destaquem o espaço do restante da casa. O importante é criar um ambiente aconchegante e agradável para você passar momentos relaxantes enquanto lê.

Para muitas pessoas, uma das partes mais importantes da casa é o banheiro. É onde você toma um banho relaxante depois de um dia cheio de estresse ou realiza todos seus cuidados pessoais antes de ir trabalhar. Proprietários geralmente querem manter seus banheiros impecáveis. No entanto, reformar ou mesmo decorar um banheiro é bastante complexo e envolve planejamento. Isso deve ser feito para garantir que a renovação saia a um preço reduzido.

É fundamental para chegar a um conceito de reforma pensar sobre as finanças e os materiais para este projeto. Comece pesquisando sobre ideias contemporâneas através da internet ou consulte especialistas em projetos da casa. Você precisa levar em conta os aspectos de armazenamento, funcionalidade e conforto. Atmosfera de iluminação e cor também são fatores substanciais. Crie um projeto ou consulte um profissional para fazer esta parte da tarefa. Identifique a posição das tomadas, luminárias e sistemas fundamentais de drenagem.

Do mesmo modo, determine se modificações estruturais são necessárias. Estas podem incluir o ajuste da altura de seu teto ou escavação para abrir caminho para uma maior banheira ou hidromassagem. Neste caso, as necessidades de eletricidade e canalização serão mais complexas. Os materiais podem sair relativamente caros.

Olhe para a localização de gavetas, pias e espelhos. Escolha pisos que sejam capazes de suportar bem cargas pesadas, se você pretende colocar mais mobiliário. A dica é escolher cores de pisos mais claras ou totalmente escuras. Se o banheiro for muito pequeno para seus planos, pode haver necessidade de aumentá-lo e fazer uso de outras partes da casa. Isto, naturalmente, pede mais tempo, trabalho e dinheiro.

Quando todos estes itens forem concluídos, é hora de preparar as finanças para materiais e trabalhadores. Não se esqueça de integrar procedimentos para custos imprevisíveis. Procure por profissionais de confiança e bem qualificados. Outra opção é pedir referências de pessoas que você confia ou associações de serviço locais. Mesmo que você possa lidar com a decoração do banheiro, responsabilidades técnicas devem ser atribuídas aos profissionais. Estes compreendem de canalização, instalação elétrica, isolamento e preocupações quanto a drenagem. Também é uma boa ideia de procurar os serviços de profissionais para a pintura, papel de parede montagem e colocação de azulejos.

Você tem que decidir se o que será feito será simplesmente um esforço para decorar o banheiro ou se será uma reforma completa. Seus planos devem cobrir as licenças necessárias, ajustes na estrutura e detalhamento das despesas. Verifique com o seu contratante sobre esses elementos e conclua o planejamento antes de iniciar a fase de construção para evitar desperdício de recursos monetários.

O fim de semana é um momento que usamos para relaxar e passar ótimos momentos com amigos e familiares. Uma das tradições brasileiras é fazer um belo churrasco com tudo que for de direito. O ambiente da churrasqueira precisa ser agradável e bem decorado. Portanto, aqui vão algumas dicas de como decorar o espaço da churrasqueira ou o ambiente gourmet. Existem diversas maneiras de deixar este ambiente bem personalizado, com uma cara atraente e confortável. Uma das primeiras dicas é reservar espaço, não abuse dos móveis e de acessórios de decoração, nestas reuniões as pessoas não ficam sempre sentadas, portanto é necessário ter espaço de sobra para o fluxo.

Antes de sair escolhendo móveis por aí, trace uma linha de decoração, assim você evita uma mistura de objetos sem nexo. A harmonia entre as peças é a essência da decoração. Os móveis podem seguir uma linha mais rústica, este tipo de linguagem é bem agradável, moderna e brasileira, uma ótima opção! As cadeiras, por exemplo, podem ser de madeira de construção, sem muitos acabamentos e partindo daí você pode começar a decorar o espaço com prateleiras, quadros, plantas, tapetes etcOutro ponto, talvez o mais importante, são as mesas de jantar. Escolher uma bela mesa é um dos passos fundamentais para o espaço. Se você for seguir a linha rústica com as cadeiras, pode optar por uma mesa que siga a mesma linha. No entanto, o contraste com detalhes modernos cai bem, procure optar por uma peça que esteja em harmonia com o local.

Depois de tudo feito, organizado e bem decorado, chame o pessoal e bom churrasco!

Escolher um computador de mesa pode não ser uma tarefa tão simples quanto parede, principalmente quando se trata de escolher um modelo que combine com a decoração do seu escritório. Embora possa parecer incrivelmente fácil escolher um desktop, há uma série de consideração para comprar um computador de mesa, você deve considerar.

Além das marcas a capacidade técnica do aparelho, o espaço disponível para o computador, funcionalidades, cor e conforto para trabalhar.

Em ambientes compactos, onde a decoração de escritório pequeno é complicada, não da para colocar um computador com monitor de 22 polegadas, mais o CPU, teclado e mouse, você ficaria sem espaço para a impressora e outros acessórios essenciais de papelaria. O tamanho do ambiente implica diretamente na escolha do computador. A compra errada pode causar mais gastos com replanejamento da decoração, compra de uma nova mesa para abrir o computador e seus acessórios de papelaria.

Ideias para montar um ambiente de trabalho

Defina o espaço

A primeira coisa a fazer é ter uma ideia de onde você vai colocar o novo computador. Tire um tempo para encontrar o lugar perfeito, tire todas as medidas necessárias.

Tamanho do monitor

Embora os monitores do passado não se comparem com os monitores de mesa atuais, é sempre aconselhável ter uma medida exata do tamanho que você dispõe para o monitor na sua mesa.

Periféricos

Algumas pessoas gostam de ter vários periféricos na sua mesa de trabalho, microfones, fones de ouvido, conectores sem fio, webcam e outros. Esse aglomerado de periféricos e acessórios pode prejudicar o local para alocar o seu PC. Imagine se você tem uma mesa pequena. Pode ser prejudicial no momento do trabalho e acabar comprometendo a sua produtividade.

Leve em consideração nossas dicas na hora de comprar um computador e evite dores de cabeça na hora de instalar o seu novo desktop.

Seja para acomodar melhor a família, ou para mudar os ares do ambiente, o fato é que é muito comum que as pessoas realizem pequenas reformas em sua residência de vez em quando. O problema é que na maioria das vezes, o custo da obra vai muito além do que foi inicialmente programado, provocando sérios abalos no orçamento familiar.

É possível reformar a casa com pouco de dinheiro, entretanto, o proprietário deverá contar com um meticuloso planejamento, envolvendo muita pesquisa de preços de materiais e da prestação de serviços cobrados pelos profissionais. Para aumentar a sua segurança, faça uma reserva financeira de pelo menos 10% do valor orçado para realizar a reforma do imóvel, para evitar surpresas, que costumam ser inevitáveis na maioria das vezes, durante a obra.

Importante ressaltar de que no caso das reformas, é bom levar em conta de que o “barato pode sair caro”, especialmente quando nos referimos aos materiais de construção. Não leve em conta somente o preço, mas também a qualidade do produto, já que esperamos que a reforma do imóvel dure por muitos anos.

Compra de móveis baratos! Você pode adquirir móveis semi-novos para decoração da sua casa, várias lojas como a Mix Móveis oferecem uma grande variedade de móveis semi-novos em excelente estado.

Por fim, é importante contratar profissionais de preferência por indicação de amigos e familiares, que podem informá-lo se o serviço foi bem feito, bem como evitar o desperdício de material de construção, um dos fatores que colaboram e muito para o custo final da reforma do imóvel.

Com a primavera em alta nada como caminhar e curtir a bela paisagem que a estação promove, com todas as cores e clima fresquinho, que proporcionam prazer durante as caminhadas. Nem preciso citar que logo o verão já está batendo em nossas portas também, deixando mais forte a vontade de curtir o ar fresco.

Todos os fatores citados são convites que levam as pessoas a passarem mais tempo em seus jardins e varandas, mas é quando esse espaço tão desejado não está bonito e muito menos organizado? Bate aquele desconforto, e até um pouco de tristeza ao ver um lugar, que deveria passar boas vibrações, tão apagadinho. Por isso aqui vão algumas dicas que irão te ajudar a dar um toque especial nesse cantinho da casa!

1.       Faça primeiro os ajustes necessários.

É bastante normal que percamos o tempo certo para fazer os ajustes do jardim, por isso, antes de começar qualquer coisa é muito importante aparar a grama, retirar as plantas daninhas e, caso você possua pedras, fazer uma limpeza cuidadosa utilizando uma escovinha. Essa parte é realmente chata, mas ela é muito importante para que o resultado final seja bonito e duradouro.

2.       Escolhendo o que plantar!

Essa parte sim é divertida, você precisa fazer uma analise do espaço que você tem. Se for um jardim grande é legal plantar uma árvore frutífera que cresça rápido, tipo o limoeiro, que além da beleza você terá a sombra e fruta sempre que precisar. Se você possui um pequeno jardim o legal é colocar flores bastante coloridas e com cuidados simples, como as Onze Horas.

onze-horas-1013865-4037451

3.       Capricho nos detalhes.

Essa parte também é sensacional! Depois de já ter o seu jardim todo bem cuidado e com tudo plantadinho é hora de focar nos detalhes de decoração. Uma tendência que está bastante em alta são os móveis rústicos, em madeira mais escura e com aspecto mais pesado, que contracenam super bem com a leveza do seu jardim. Para quem mora em apartamento uma dica legal é usar um jardim vertical, e por que não usar um modelo magnético?

6873704882_6d858f2277-1214407-5992167

Para deixar o espaço aconchegante, seja casa ou apartamento, uma boa saída é o uso de futons. Além de serem super confortáveis, o colorido deles deixa qualquer ambiente descontraído e ainda eles podem ser distribuídos da maneira que você quiser.

941534484291949074kqfyvvac-9025358-5094490

Fazer uma composição com pedras no jardim também fica muito bom e dá um toque bastante sofisticado ao espaço.

4.       Olha a chuva!

A minha última dica é mais um lembrete. Certos móveis e objetos tendem a se desgastar com rapidez caso sejam expostos às chuvas, por isso é bom ficar atento na escolha dos objetos que ficarão ao ar livre. Se a maioria do seu espaço é exposto ao clima, uma boa saída é investir em gazebos que, inclusive, podem ser posteriormente usados para criar espaços durante festas.

backyard-ideas-with-gazebo-6763041-3903443
Eles podem ser tanto em lona quanto em madeira e ambas as opções são bastante chiques e acessíveis. Então, o que você está esperando para renovar seu espaço de relaxamento? J

Planejar a decoração do quarto de casal não é uma tarefa nada fácil. Confira nossas dicas sobre escolher uma boa cama de casal.

Passamos pelo menos 1/3 de nossas vidas dormindo, sendo um hábito fundamental para repor as energias para o dia seguinte, tanto para proteger tanto a saúde física como mental. E para garantir um sono tranqüilo e reparador, é preciso ter atenção na hora de escolher o colchão e a cama, ainda mais se for uma cama de casal.

besana061-1346637-2727180

Isso acontece porque o móvel e o colchão devem ser adequados às necessidades, bem com a altura e peso de cada um, já que todo o colchão possui uma densidade distinta. Para evitar situações em que o parceiro não goste de ser incomodado e movimentado pelo outro que vai dormir mais tarde.

Nesses casos, uma opção é escolher um colchão fabricado em mola pocket, onde as molas são ensacadas de forma individual oferecendo independência nos movimentos de cada parceiro. Com isso, um parceiro não percebe o movimento que o outro realiza na cama.

É muito comum de que um parceiro possua peso superior ao do outro, por isso, para quem o colchão tenha maior durabilidade, o ideal é optar por um modelo fabricado com molas ensacadas. Também é possível optar por um colchão de espuma, devendo escolher o produto que tenha a densidade compatível ao parceiro mais pesado.

No caso da escolha da cama de casal, é preciso optar por um modelo adequado às dimensões do quarto, por isso, na hora de comprar, anote as medidas do local, para optar por uma cama que possibilite a circulação do casal pelo quarto.

Vale lembrar de que é preciso optar por um modelo adequado à altura de ambos. Caso um dos parceiros seja bem alto, o ideal é optar por modelos com a cama king, que possui comprimento de 198 cm ou a superking, que possui comprimento de 203 cm.

A decoração de interiores não se restringe apenas aos móveis. Diferentes aspectos como as cores, os objetos de decoração, o clima do ambiente, as luzes e qualquer outra coisa que faça parte da harmonia da casa, é decoração. Durante o processo decorativo é feito um estudo de ambiente para que a decoração siga uma linha única. A iluminação é responsável por dar vida ao espaço. A luz é capaz de deixar o ambiente mais sereno, mais alegre, mais aconchegante, ou seja, a luz é a principal ferramenta de uma decoração residencial.

tumblr_macmo8tzno1r113f8o1_500_large1-3079026-9573984

Antes de começar a escolher os móveis e os objetos de decoração, estabeleça uma linha de pensamento, assim você evita exageros e misturas de identidades. Se o ambiente for calmo, opte por uma iluminação quente, com luzes amareladas e baixas, isso ajuda com a harmonização. Um abajur com tecido cru é uma peça indicada para a decoração, além de se encaixar na proposta, ele ainda ajuda com a iluminação. Algo que se deve pensar são os pontos de luz. Faça um estudo antes de sair iluminando tudo, às vezes é melhor colocar lâmpadas menores e em diferentes lugares ao colocar um único ponto de luz no ambiente.

1-1333022199_large1-1161698-7282066

Uma outra boa dica é a utilização de vela para a iluminação. Algumas lojas de decoração disponibilizam castiçais especiais para decoração residencial, perfeitos para deixar o ambiente ainda mais intimista e confortante. Portanto, se você está na fase da decoração de sua casa, siga estas dicas e faça da decoração algo maravilhoso!

Quando você conhece os princípios básicos de design de interiores, você pode transformar qualquer espaço para olhar fabuloso. Você sabe o que se sente quando você entra em uma sala bem desenhada ou cozinhas planejadas com muito bom gosto. Você pode sentir como tudo parece coeso e juntos. Ela se sente apenas para a direita. Você pode conseguir esse efeito em sua própria casa com um pouco de conhecimento de princípios básicos de design. Emparelhar que o conhecimento com a prática e experimentação, e você está no seu caminho para a criação de uma bela casa.

Saldo

No projeto, o equilíbrio cria uma sensação de equilíbrio. É tudo sobre a equalização ou aproximar o peso visual de objetos. Equilíbrio é criado não apenas através da forma, mas através da cor, textura, e também.

Existem três tipos diferentes de equilíbrio:

Simétrica ou formal: espaços tradicionais ou formais pedem equilíbrio simétrico, onde o espaço é dividido igualmente em dois lados que espelham um ao outro. Por exemplo, duas cadeiras de cada lado de uma mesa de café pode ser dito para ser simetricamente equilibrada. Este tipo de equilíbrio é fácil de conseguir, como elementos de estrutura são repetidos em cada lado. Se você não tomar cuidado, este tipo de equilíbrio pode tornar-se monótono e chato.

Assimétrico ou Informal: Os pesos visuais de linhas, cores, formas e texturas são equilibradas sem duplicação exata. Não é tão ordenada como equilíbrio simétrico e pode ser mais complexo e interessante. Por exemplo, um sofá pode ser equilibrado pela colocação de duas cadeiras, do outro lado

Radial equilíbrio é atingido quando há um ponto central com outros elementos radiantes do mesmo ou ao seu redor. Um exemplo seria uma mesa de jantar redonda, com cadeiras dispostas em torno dele. Há um monte de repetição da forma, cor, textura e.

Ritmo

Como na música, o ritmo em design é tudo sobre como criar padrões de repetição e contraste para criar interesse visual. Você pode conseguir isso usando a mesma cor ou a forma em diferentes intervalos. Seu objetivo é mover o olho ao redor da sala. Por exemplo, você pode estabelecer um ritmo usando uma cor nos travesseiros, pegá-la em uma pintura, e ecoar ela novamente em um tapete. Essas repetições vai ajudar a levar o seu olho ao redor da sala.

Harmonia

Harmonia é criada quando todos os elementos agem em conjunto para criar uma mensagem unificada. Assim como o ritmo pode criar excitação, harmonia cria uma sensação de serenidade. Por exemplo, você pode criar harmonia usando apenas uma cor, mesmo que suas formas variam muito em tamanho, forma e textura.

Ênfase

A sala onde tudo fica igual importância vai parecer ou dispersa ou chato. Você precisa de uma âncora. Espaços arquitetônicos, muitas vezes têm pontos de interesse, como uma lareira ou uma janela com uma bela vista. Você pode optar por melhorar o construído em ponto focal, organizando mobiliário em torno dele para enfatizar isso. Em uma sala que não tem como construiu um ponto de interesse que você pode criar um através de agrupamentos de móveis ou usar uma peça inusitada ou grande.

Proporção e escala

Proporção é a relação entre o tamanho de uma parte a outra, e uma escala como o tamanho de um objeto refere-se a um outro ou para o espaço em que é colocado. Por exemplo, um grande estofadas seccional em uma pequena sala vai estar fora de escala.

Algumas relações proporcionais são mais agradáveis ​​do que outros. Os antigos gregos surgiu com a Secção Dourada, que procurou reduzir qualquer proporção com uma fórmula simples: A relação da secção menor da secção maior deve ser a mesma que a da maior parte do todo. Essa proporção está presente na natureza, e artistas e arquitetos têm usado também.

Espero que tenha gostado desta mini aula com os princípios básicos para o design de interiores. Lembrando que essas dicas podem ser usadas na hora de criar moveis planejados, enriquecendo assim o design de uma residência.

Os banheiros nem sempre dispõem de um grande espaço, mas isso não impede que sua decoração seja agradável. A decoração de banheiro engloba diversas áreas da decoração de interiores, é preciso que se avalie todo o ambiente para deixar tudo em perfeita harmonia com a casa. Com alguns recursos simples, seu banheiro pode ficar com uma cara bem aconchegante e se tornar um dos ambientes mais serenos da casa. Alguns passos são importantes. Portanto, aqui vão algumas dicas essenciais para o banheiro ideal.

Procure evitar a monocromia, os banheiros com uma única cor podem comprometer todo o ambiente. Invista em uma parede com no mínimo dois tons, talvez parte pintada e parte em pastilha. Isso aumenta o ângulo do banheiro. Coloque alguns objetos diferentes, para quebrar a mesmice. Os vasos são objetos ótimos para banheiros, procure por peças que tenham a ver com a identidade do novo ambiente. Coloque um belo espelho, este é um antigo truque poara ampliar o ambiente, sem falar na sua funcionalidade. Invista nas molduras, um belo espelho com uma bela moldura podem fazer a diferença em um banheiro comum. O box pode ser transparente, isso não faz com que dois ambientes sejam criados dentro do próprio banheiro, sem falar que eles são bem charmosos.

decorac3a7ao-de-banheiro-5869876-2579782

Procure evitar exageros, se o espaço não é muito grande, invista em uma decoração sem muitos elementos, opte por algo mais clean. O importante é que o banheiro seja um reflexo calmo da casa, é lá que o relaxamento acontece. Portanto, faça uma decoração com calma e deixe o banheiro com a sua cara!

L99

Um site de variedades.

  • Página de exemplo
  • Enviar sua Postagem
  • Política de Privacidade
  • Termos de uso
  • Atividade
  • Membros
  • Registro
  • Ativação
Este é um site do grupo B20
Pular para a barra de ferramentas