O Fim de uma era

Caso você não seja um eremita ou uma pessoal desprovida de qualquer meio de comunicação, talvez, só talvez, não saiba ainda que uma das maiores celebridades da última década acaba de encontrar seu fim nas mãos de um grupo de elite do exercito americano. Bin Laden está morto. E isso não é um plot de um novo filme não. É real!

Mas se a história é verídica, não deixa de ter seus tons fantasiosos. Primeiro a descrição da missão parecia uma das fases de Call of Duty ou outro jogo do tipo. Eles invadiram uma casa fortemente protegida por não sei quantos capangas e fuzilaram tudo que encontraram no caminho, inclusive o chefão da fase, o próprio Bin Laden que covardemente tentou usar uma mulher como escudo humano para tentar escapar. A mulher foi sumariamente eliminada e mandaram ver no vilão. E isso é a prova de que isso foi mesmo algo da vida real, pois se fosse num filme, com certeza a mina seria salva e aquela história toda.

Até ai, tudo lindo e maravilhoso, mataram o cara mais odiado do mundo, praticamente o Palpatine de nossos tempos e o que os americanos fazem? Jogam o corpo do cara no mar! Como isso? Pra quê isso? Qual o real objetivo? E essa simples cagada é o estopim de mais uma série de teorias conspiracionais sobre o que realmente aconteceu. Poderá né? Como os caras permitem uma coisa dessas?

A verdade, é que independente do que realmente aconteceu naquela casa e a posterior desova do corpo, a proclamação oficial da morte de Bin Laden sinaliza o fim de uma era de exatos 10 anos. O inimigo finalmente foi vencido, a guerra pode ou não continuar daqui pra frente, mas com certeza não será mais como antes. O inimigo que antes tinha um rosto definido, volta a ser apenas uma sombra no escuro, e isso, muda tudo.

Não vou entrar no mérito se o cara realmente existiu ou não. Talvez realmente seja apenas uma farsa americana e tudo não passou de um plano absurdamente maligno de alguma cabeça pensante do pentágono. Mas mesmo se isso for verdade, a confirmação do “fim da farsa” já está impregnada de relevância. É nada mais emblemático do que acontecer logo no mandado de Obama (quase que escrevo Osama, que coisa não…) no mesmo dia que um papa é beatificado… Parece que tudo acontece ao mesmo tempo…

Ninguém ainda é capaz de dizer o que vai acontecer a partir de agora. O mais provável é que apareça um novo inimigo que tenha alguma ligação com o Bin Laden, que seja ainda mais perigoso e cruel e então vai começar uma nova guerra e vamos lá tudo de novo!  Não… esse seria um plot para um filme que eu estava pensando….

L99

Um site de variedades.

  • Página de exemplo
  • Enviar sua Postagem
  • Política de Privacidade
  • Termos de uso
  • Atividade
  • Membros
  • Registro
  • Ativação
Este é um site do grupo B20
Pular para a barra de ferramentas